Cantinho da Saudade
Onde a Poesia Fala Mais Alto!
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Textos
ACRÓSTICO POR OCASIÃO DOS 500 ANOS DO BRASIL

Brasil, Pérola Ímpar do Universo,
Recontar eu quero nestes versos
A beleza selvagem de tuas matas,
Serranias, cachoeiras e cascatas;
Impregnando-me desse luxo varonil
Lembrar que és o meu tesouro, meu Brasil!

Quedas d’água, riachos, ribanceiras,
Uma avalanche de luz e poesia
Incendiando em cada peito, altaneira,
Nossa paixão por ti, com alegria!
Hoje, Brasil querido, país gigante,
Eu quero neste canto delirante
Nossa ternura incontida revelar:
Terra à vista! — gritou Cabral — emocionado…
O grito ecoa das distâncias do passado
Saudando a Terra Brasilis d’Aquém-Mar!

Acorda desse berço esplêndido e mostra o teu valor,
Nossos votos, Brasil, são estes com muito amor!
O meu canto deseja, garboso e juvenil,
Saudar-te em doce aquarela, meu Brasil!

Gurupá, Pará, Brasil, 22 de abril de 2000.

Composto por Léo Frederico de Las Vegas.

Acróstico Anterior | Próximo Acróstico
Jaime Adilton Marques de Araújo
Enviado por Jaime Adilton Marques de Araújo em 30/07/2020
Alterado em 01/08/2020
Comentários